Pacientes, entre eles idosos, ficam até 3h na fila em Curitiba para conseguir remédios na farmácia do governo


27.04.2017 -

“Em vez de melhorar, só piora. Como pode isso?”, reclamou em voz alta o aposentado Antonio Dutra de Moraes, de 75 anos, enquanto aguardava o atendimento na Farmácia Paraná, no Centro de Curitiba, na manhã desta terça-feira (25). O idoso compartilhava da mesma indignação sustentada por pelo menos outra centena de usuários arranjados ao lado de fora da unidade, em uma grande fila que, segundo eles, só vem crescendo desde que o governo do Paraná anunciou o fechamento da farmácia que funcionava Avenida Presidente Kennedy, no bairro Portão.

n/d

Pacientes ouvidos pela reportagem comentaram que a demora por atendimento na unidade chega a três horas: cerca de uma hora na fila para retirar a senha de atendimento e outras duas até chegar ao médico ou ao balcão da farmácia.

“Sempre tem bastante gente, mas é a primeira vez que vejo assim. É que fechou a da Kennedy e agora todo mundo tira remédio aqui. Aumenta a fila e aumenta junto a reclamação do pessoal”, comentou a atendente de farmácia hospitalar Maria Lucia dos Santos, de 51 anos, que foi enfrentar a espera por atendimento depois de uma noite em claro por causa do trabalho.

Em março, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) começou a transferir os pacientes que retiravam medicamentos na farmácia especial mantida na Avenida Presidente Kennedy. A pasta justificou que a mudança foi provocada por uma reforma, mas afirmou que, mesmo após o fim das obras - daqui a dois anos - , boa parte dos pacientes terá de continuar a buscar remédios na unidade do Centro. A decisão afetou um grupo de quatro mil pacientes que, até o final de maio, será completamente absorvido pela farmácia da Marechal.

“Antes disso não era tão ruim. Eu chegava às 7 horas e saía lá por 8h15. Agora é 8 horas e eu ainda estou na fila [às 10 horas]. E que horas vou sair?”, indagou Maria Lucia.

A idosa Cristina de Andrade, de 70 anos, disse que já estava preparada para a longa espera. “Não é que lá elas atendem mal. É que demora demais a gente chegar até elas”, disse a aposentada, que teve de deixar a mãe de 96 anos trancada em casa para poder ficar mais tranquila enquanto ficava na rua.

Por volta das 8 horas desta terça, 200 pessoas já esperavam por atendimento na Farmácia do Paraná da Marechal. Funcionários do local disseram que, às 10 horas, o número poderia chegar a 500. Segundo o governo, a unidade da Marechal faz cerca de 1,2 mil atendimentos por dia. Fonte: Gazeta do Povo

================================

Nota de www.rainhamaria.com.br

Diz na Sagrada Escritura:

"Como se transformou em prostituta a cidade fiel! Antes era cheia de direito, e nela morava a justiça; agora, está cheia de criminosos! A sua prata tornou-se lixo, o seu vinho ficou aguado. Os seus chefes são bandidos, cúmplices de ladrões: todos eles gostam de suborno, correm atrás de presentes; não fazem justiça ao órfão, e a causa da viúva nem chega até eles.  Pois bem! Ai de vós! - oráculo do Senhor Javé dos exércitos, o Poderoso de Israel. Eu vingar-Me-ei dos meus inimigos e pedirei satisfação aos meus adversários. Voltarei a minha mão contra ti, para te limpar com soda e tirar a tua impureza". (Isaias 1, 21-25)

"Porque conheço o número de vossos crimes e a gravidade de vossos pecados, opressores do justo, exatores de dádivas, violadores do direito dos pobres em juízo". (Amós 5, 12)

"Pus-me então a considerar todas as opressões que se exercem debaixo do sol. Eis aqui as lágrimas dos oprimidos e não há ninguém para consolá-los". (Eclesiastes 4, 1)

n/d

"Ouvi isto, exploradores do necessitado, opressores dos pobres do país!" (Amós 8, 4)

"Teus príncipes são rebeldes, cúmplices de ladrões. Todos eles amam as ofertas e andam atrás do proveito próprio; não fazem justiça ao órfão, e a causa da viúva não é evocada diante deles. Por isso eis o que diz o Senhor, Deus dos exércitos, o Poderoso de Israel: Ah! eu tirarei satisfação de meus adversários, e me vingarei de meus inimigos. Voltarei contra ti a minha mão, e purificarei inteiramente as tuas escórias; e tirar-te-ei toda a impureza".  (Isaías 1, 23-25)


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne