Padre Divino Antônio Lopes: Persevere na plantação, lance a semente para todos os lados, seja um semeador da Palavra de Deus e não fique desanimado diante da demora dos frutos. Deus sabe muito bem o dia e a hora que eles aparecerão


31.07.2018 -

SÊ PERSEVERANTE

Por Padre Divino Antônio Lopes

01

O céu é a Pátria Eterna dos perseverantes... daqueles que levarem a cruz até o fim, mesmo se sentirem fraquezas durante a caminhada.

02

Só será coroado no céu aquele que perseverar até o fim... até o último suspiro. Diante de Deus, de nada vale ter sido cordeiro por longo tempo, se se morre como lobo.

03

O covarde e o medíocre iniciam muito bem a caminhada rumo a Eternidade Feliz... muito barulho, muita euforia, cadernos e mais cadernos cheios de propósitos... Tudo isso deixa de existir quando os mesmos se deparam com o primeiro obstáculo. Quanta fraqueza!

04

É muito fácil começar... santos e pecadores participam do “grito” de largada... mas somente os amigos de Deus, os atletas do Altíssimo, completam a prova, isto é, morrem na amizade com Nosso Senhor.

05

Lembre-se de que sem perseverança não há salvação... aquele que parar na metade do caminho se perderá eternamente.

06

Infeliz do católico que não persevera no bem, que se envolve com os covardes e abandona o caminho do céu. O que dirá a Nosso Senhor no dia do Terrível Juízo, aquele que tinha tudo para conquistar o céu, mas preferiu, por covardia e preguiça, seguir e servir o mundo, o Demônio e a carne? Esse se condenará por não atingir a meta.

07

Ninguém chegará com saúde ao final do mês só por ter se alimentado bem no primeiro dia. Da mesma forma, aquele que foi santo somente durante a juventude não chegará à velhice bem espiritualmente. É preciso perseverar no bem... não podemos dar intervalo nem férias à nossa alma.

08

Não temos nesse mundo uma cidade permanente... então, não percamos tempo, mas caminhemos para a Eternidade Feliz... para lá chegar, não podemos parar diante das “mercadorias” oferecidas pelo mundo inimigo de nossa alma imortal; por isso, perseveremos sem parar.

09

Para que serve um alicerce de uma casa sem as paredes e o telhado? Para nada. Que servirá também ao católico ter perseverado até a metade do caminho, se não foi constante no bem até o fim?

10

Quem persevera no bem será tentado terrivelmente pelo Demônio, porque ele não olha com bons “olhos” para o católico que caminha decididamente para o céu.

11

Olhe para a cruz e persevere... pense no Prêmio Eterno e persevere... lembre-se de que o sofrimento acabará e que ficará somente a alegria... e alegria eterna.

12

Não fique a cambalear entre o bem e o mal, entre a luz e as trevas... mas escolha somente o bem e a luz, e persevere até o último suspiro. Sê firme!

13

Não se deixe abater pelos obstáculos e dificuldades que surgirem em seu caminho; pelo contrário, olhe para o céu... contemple a sua Felicidade Eterna e persevere, persevere e persevere... o céu é a Pátria dos perseverantes.

14

Para perseverar até o fim é preciso rezar muito... rezar com fervor e fé... com a oração conseguiremos subir com sucesso a “montanha” das dificuldades. Sem oração é impossível a perseverança.

15

Católico, seja firme e perseverante... não se desvie do caminho do céu, mesmo que surjam inúmeras “pedras” em seu caminho.

16

Disse o carrasco sobre Santa Águeda: “Seria mais fácil amolecer as rochas e o diamante, converter o ferro em chumbo, do que mudar a alma de Águeda e desviá-la do amor de Jesus Cristo e do seu propósito da castidade”. E você, católico, não fica envergonhado diante de tanta firmeza... você que vive mergulhado na mediocridade e trilhando o caminho largo que conduz ao inferno?

17

Persevere com alegria e firmeza diante do “fogo” das provações... não se derreta por causa do “calor” das dificuldades... pelo contrário; aproveite desse “fogo” e “calor” para purificar a sua alma tão apegada às coisas da terra.

18

Lembre-se de que você não é orvalho para se esvair ao primeiro raio do sol... não se “evapore” diante do “calor” dos obstáculos, por mais abrasadores que sejam; porque se perseverares até o fim, serás premiado com a Vida Eterna.

19

É grande loucura e estupidez querer perseverar no caminho estreito sem o auxílio de Deus. O Senhor não nega o seu auxílio ao católico que reza e que recebe dignamente os sacramentos da Confissão e da Eucaristia.

20

Os santarrões não perseveram no caminho do céu, porque se contentam em fazer propósitos e não cumpri-los.

21

Perseveremos no bem... não nos preocupemos se somos criticados e perseguidos por possuirmos uma fé sincera, corajosa e convicta... se o mundo nos ignora, agradeçamos a Deus por tão grande graça.

22

Persevere no caminho estreito... seja teimoso, turrão e pertinaz... para conquistar a Pátria Eterna é preciso ser “violento”.

23

Não queira fazer tudo de uma vez... você não é um super-homem; mas faça tudo com perseverança e alcançará a vitória.

24

Queres ter êxito em suas ações? Persevere com alegria e convicção em cada uma delas.

25

A perseverança é a porta da Eternidade Feliz, enquanto que a inconstância é a porta do Inferno Eterno.

26

Muitos deixam de perseverar no caminho do bem dizendo que não suportam mais o peso da cruz... será que o peso da mesma diminui sobre os ombros daqueles que recuam? Não é com o desânimo que se conquista o céu, mas sim, com a perseverança.

27

Queres realizar algo para agradar ao Senhor que morreu na cruz para te salvar? Jamais se desanime, mesmo que o mundo inteiro se volte contra o seu propósito... persevere com afinco e vencerás todas as barreiras.

28

Os santos estão no céu porque perseveraram; enquanto que os condenados estão no inferno porque desanimaram.

29

Tu pediste a Deus todas as virtudes; mas não se esqueça de que a perseverança coroa a todas... sem ela não há salvação.

30

Persevere em cada boa obra... não deixe as coisas inacabadas, porque o céu é a Pátria dos perfeitos, e para nela entrar é preciso perseverar até o fim.

31

O católico que foge da renúncia não perseverará até o fim, porque a renúncia garante a perseverança.

32

Só perseverará até o fim, aquele que souber dizer sim a Deus durante as provações... um sim generoso, alegre, convicto e fiel.

33

Queres chegar ao céu? Então é preciso perseverar até o fim... Que a sua vida seja uma “chuva” de sim ao Deus que te criou... diga-Lhe sim sessenta segundos por minuto, sessenta minutos por hora, vinte e quatro horas por dia, trezentos e sessenta e cinco dias por ano... enfim, diga-Lhe sim até ao último suspiro e morra dizendo sim... e a porta da Eternidade Feliz estará aberta para ti.

34

Só persevera quem possui um coração cheio de amor... é o amor que o empurra para frente sem medir o sacrifício.

35

O egoísta não persevera no caminho da santidade, porque é incapaz de se levantar de sua poltrona... quando se levanta, é para buscar algo mais cômodo e fácil.

36

Um time de futebol não perderá um campeonato só porque perdeu uma partida... contigo também não será diferente: você não perderá o céu só porque “escorregou” uma vez pelo caminho... é preciso saber se levantar, pedir perdão a Deus, renovar o propósito e perseverar até o fim.

37

Muitos querem laçar os seus pés, algemar suas mãos e encadear seus lábios para que não perseveres no bom caminho...  querem te transformar em uma “múmia acomodada”. Jamais aceite tal situação; você foi criado para ser luz e sal... lute contra tudo e todos e persevere no caminho do bem.

38

Não deixe de perseverar no caminho da santidade só porque muitos à sua volta são inconstantes e relaxados... lembre-se de que existe um Deus que tudo vê... continue a sua luta e Ele te recompensará.

39

O católico que deixa de perseverar na santidade só porque os seus amigos resolveram voltar para as trevas, é um vira-casaca e fraco. Esse não ama verdadeiramente a Deus, mas anda em busca de novidades e experiências... não é cidadão para o céu, mas sim, para o laboratório.

40

Como é agradável observar o perseverante; ele “voa” como uma águia em seus empreendimentos... e como é repugnante observar o preguiçoso e inconstante; ele, à semelhança da galinha choca, só faz barulho e levanta muita poeira sem sair do lugar.

41

Vivemos num mundo cheio de armadilhas... que luta continuamente para nos destruir espiritualmente. Fujamos dele e perseveremos no bem... busquemos fervorosamente a Deus, mesmo quando a “escuridão” das dificuldades surge à nossa frente; essa “escuridão” é vencida com a fé e a perseverança.

42

Católico, se Deus te chama para segui-Lo, nada o deverá  deter; Deus te chama... persevere no bem e não olhe para trás.

43

Persevere na “plantação”, lance a semente para todos os lados, seja um semeador da Palavra de Deus e não fique desanimado diante da demora dos frutos... Deus sabe muito bem o dia e a hora que eles aparecerão... quanto a ti, seja um zeloso e fervoroso semeador... e persevere sem se desanimar.

44

Olhe à sua volta e veja quantos católicos já caíram na apostasia... são milhões... agora são hereges e dizem ser luzes. Quanta cegueira! Persevere para que não aconteça contigo o mesmo; sem a perseverança é muito fácil passar de ovelha a lobo.

45

O mundo está cheio de apóstatas que antes eram católicos... deixaram de ser soldados de Cristo para pertencerem ao exército de Satanás. Para eles não faltaram os meios para que perseverassem... simplesmente não quiseram mais seguir a luz; disseram não com a boca e com o coração, e agora seguem as trevas. Que desastre!

46

Não devemos nos assustar com os obstáculos e provações... pelo contrário; olhemos para o céu e pensemos na sua felicidade e eternidade... então perseveraremos com alegria e convicção.

47

Se surgir uma “montanha” de provações à nossa frente, no nosso caminho... não paremos nem nos prostremos diante dela; mas sim, com o coração firme e perseverante, passemos sobre ela ou a contornemos, porque o céu é a Pátria dos perseverantes.

48

É preciso perseverar até o fim. Os santos trabalharam para a glória de Deus e pelo bem das almas em meio a grandes perseguições e dificuldades: passaram fome, sofreram sede, foram flagelados e apedrejados... mas não deixaram de perseverar no caminho do céu.

49

Não nos preocupemos com o dia de amanhã, mas vivamos com perfeição e perseverança o momento presente... não queiramos passar para o terceiro degrau sem antes passarmos pelo primeiro e segundo.

50

Estás caminhando pelo caminho da santidade? Não olhe para trás, mas persevere com afinco, porque logo soprará contra ti os “ventos” das provações, perseguições, críticas, calúnias, ameaças... se não estiveres preparado, com certeza sucumbirás.

51

Católico, você é chamado por Deus para ser santo, grande santo... luz, grande luz... sal, bom sal... por isso, não fique assustado com as “trovoadas” de críticas que surgem contra você... lembre-se de que o seu comportamento não agrada o mundo, o Demônio e a carne... então, persevere nesse belíssimo propósito e não será derrotado.

52

Não se detenha diante da pessoa inconstante e fracassada, mesmo que seja de sua família; pelo contrário, persevere com firmeza e humildade no caminho da santidade, porque o próprio Cristo Jesus disse: “... muitos procurarão entrar e não conseguirão” (Lc 13, 24).

53

Persevere no caminho da santidade, custe o que custar... lembre-se de que você foi chamado para ser luz (Mt 5, 14)... para ser astro (Fl 2, 15)... para ser “estrela”, e estrela não se mistura com a lama e poeira da terra, mas está sempre no alto para iluminar.

54

Persevere no caminho do bem e não deixe de progredir na santidade, porque Deus não abandona aquele que O serve com fidelidade.

55

Não se desespere diante dos inúmeros obstáculos que surgem à sua frente... não se intimide com os “uivos” dos lobos perseguidores... mas, com fé em Deus, caminhe sem olhar para trás.

56

Persevere... lute e sofra até o último suspiro... o céu é a Pátria Feliz daquele que não se entrega ao cansaço, desalento e à moleza... que cada pulsar do seu coração seja um “hino” de perseverança no caminho do bem.

57

Reze, reze fervorosamente todos os dias pedindo ao Deus Eterno a perseverança... ela é um dom de Deus que se adquire pela oração.

58

Católico, olhe para trás e veja quanto tempo você já perdeu com o lixo do mundo... a vida é breve, resta-lhe pouco tempo de vida... acorde enquanto o seu coração ainda está pulsando... persevere de agora em diante no caminho da luz, do bem, da santidade... não busque descanso aqui na terra, porque terás uma Feliz Eternidade para descansar.

59

Queres ser coroado no céu? Pise nas vaidades oferecidas pelo mundo e persevere sem respeito humano pelo caminho da verdade.

60

Persevere no caminho da perfeição sem se preocupar com os desprezos por parte dos invejosos... lembre-se continuamente que para chegar ao céu é preciso subir com valentia pela “montanha” das provações e dificuldades.

61

Se você está convicto de que Jesus Cristo morreu na cruz para te salvar... que Ele é a Fonte da verdadeira alegria... é o Caminho, a Verdade e a Vida... não vejo motivo para você ficar parado à beira do caminho da perfeição. Persevere... persevere com a cruz às costas, porque ela é o troféu do verdadeiro amigo de Nosso Senhor.

62

Queres ser coroado por Jesus Cristo no céu? Persevere no caminho do amor, ame o Amor... sirva o Amor e morra de amor pelo Amor.

63

Persevere até o fim... não se poupe, mas consuma-se por Cristo Jesus... somente Ele merece o seu amor... Ele morreu por ti. Quanto amor! Um Deus louco de amor! Ainda tens coragem de se poupar?

64

Lembre-se de que você não possui a salvação garantida... não está seguro; é preciso contemplar o crucifixo e perseverar com valentia: “Quem pensa estar de pé, veja que não caia” (1 Cor 10, 12).

65

O católico perseverante assemelha-se a uma locomotiva que arrasta atrás de si muitos vagões. Como seria tudo diferente se cada católico fosse uma “locomotiva”.

66

Persevere nas boas obras... levante a cabeça e jogue fora o desânimo. Milhões de católicos, por falta de perseverança, deixaram de realizar grandes obras... e hoje estão prostrados pelas sarjetas. Que desastre!

67

A convivência com o inconstante é um tormento... terrível tormento... hoje está bem, amanhã já está mal... hoje acende uma vela para Deus... no dia seguinte queima incenso ao Demônio... hoje é luz, amanhã está mergulhado nas trevas... hoje corre em busca da santidade, no dia seguinte já está a serviço do mundo. Para o inconstante tudo é difícil...  o mesmo não é capaz de assumir nenhuma responsabilidade.

68

Aquele que persevera por amor a Deus e com alegria, entra no campo de batalha com a vitória quase ganha.

69

Quem pode vencer uma pessoa perseverante? Ninguém. Ela quer o bem... Deus também o quer... ela sairá sempre vencedora, porque Deus está com aquele que faz o bem: “Faze o bem, Deus, aos bons, aos corações retos” (Sl 125, 4).

70

O caminho para o céu é cheio de provações e obstáculos... aquele que não perseverar jamais entrará na Pátria Eterna.

71

O céu é eterno... será que existe verdade mais consoladora? É preciso, pois, perseverar no bem e não admitir desânimo ou moleza em nossa caminhada... não cedamos nenhum milímetro aos inimigos... somos de Deus... e isso basta.

72

Persevere no apostolado e não fique assustado com a frieza e indiferença das pessoas... Deus exige que você lance a semente; quanto à conversão das almas, deixe que Ele cuide.

73

Para milhões de católicos nem o pensamento sobre o céu os anima. Que tragédia! Que indiferença! Que horror! Não faça parte desse “exército” de “múmias”, mas persevere no bem e consuma-se pelo Senhor que morreu numa cruz para te salvar.

74

O católico inconstante assemelha-se a água parada, cheia de vermes e lodo; enquanto que o católico perseverante assemelha-se a água corrente e cristalina.

75

O católico inconstante vive com um pé no inferno... não está com os dois pés no inferno porque ainda não morreu.

76

Não basta iniciar algo, mas é preciso concluí-lo... não se dá o prêmio àquele que inicia a corrida, mas ao que ultrapassa a linha de chegada em primeiro lugar.

77

O mundo está cheio dos “quase”... Quase médico, quase professor, quase costureiro, quase empresário... até aqui ainda dá para relevar... mas o que não pode acontecer é ser quase santo, porque o quase santo não entrará no céu... mas somente o santo... então é preciso perseverar no caminho da santidade até o fim.

78

Veja o amontoado de católicos sem compromisso... quantos parasitas trazem na testa o rótulo de católico... quanta água parada e árvore completamente verde, sem frutos... esses são os católicos que não perseveraram no caminho da santidade e vivem se “deliciando” no monturo. Quanta estupidez!

79

O que dirá a Deus no dia do Terrível Juízo aquele católico que não quis perseverar por preguiça e relaxamento? Não dirá nenhuma palavra, mas ouvirá da boca do justo Juiz: “Não vos conheço!” (Mt 25, 12).

80

Para vencer na vida não basta ser inteligente... mas é preciso possuir uma vontade de ferro... é preciso perseverar com afinco... encarar todos os obstáculos e vencê-los.

81

Para ver a luz do sol e sentir o seu calor, o pintainho quebra “pacientemente” com o biquinho a casca do ovo... feliz “perseverança” e “garra”. Também o católico, para contemplar a Luz Eterna e mergulhar em seu Amor, precisa, com perseverança, vontade férrea e garra, “quebrar” as “cascas” dos obstáculos que tentam sufocá-lo... ou “quebra” as “cascas” ou será sufocado pelas mesmas. Não deixe de “bicar”.

82

Não seja orgulhoso... pretensioso... convencido... não cante vitória antes do tempo; lembre-se de que sem perseverança é impossível obter vitória e entrar no céu. Cuidado com a presunção!

83

Católico, se não fizeres o bem agora, enquanto o seu coração ainda está pulsando, quando pretenderás fazê-lo? Depois de morto? Impossível. Acorde enquanto é tempo e persevere no caminho da santidade, porque a morte não avisa o dia nem a hora.

84

Pergunta-se: por que será que existem milhões de católicos “esmagados” à beira do caminho e com as almas “espetadas” nos arames farpados? Esses católicos eram atletas de Deus que iniciaram com valentia a “maratona” rumo ao céu; mas pelo caminho sentiram o cheiro do “mercado” do mundo... voltaram as costas para o céu... não perseveraram no bem, e agora são defuntos “ambulantes”. Que derrota vergonhosa!

85

Não basta iniciar com energia e garra uma boa obra, mas é preciso perseverar até o fim... custe o que custar.

Padre Divino Antônio Lopes FP. “Sê perseverante - pensamentos”

Fonte: www.filhosdapaixao.org.br  via  www.rainhamaria.com.br

 

Veja também...

Padre Divino Antônio Lopes: Cada católico deve ser missionário, deve ser Luz do mundo (Mt 5, 14). O trabalho missionário, não consegue permanecer passivo e indiferente diante de tanto paganismo 

Padre Divino Antônio Lopes: O missionário deve ser forte, deve enfrentar todas as dores e perigos. Fugir é próprio do covarde. Disse o Santo João Paulo II: Não tenham medo de evangelizar

Padre Divino Antônio Lopes: Esse mundo inimigo de Deus, trava uma terrível batalha contra Jesus Cristo e seus seguidores

 


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne