Igreja Nossa Senhora do Rosário, na Diocese de São Miguel Paulista, é invadida e fiéis ficam abalados pela violência com a Eucaristia


05.05.2017 -

Desconhecidos invadiram e profanaram a Igreja Nossa Senhora do Rosário, na Diocese de São Miguel Paulista (SP) no início desta semana, deixando a comunidade “estarrecida” devido à violência com a Eucaristia.

“Teve vandalismo, roubo dos cofres do dízimo, profanação do Santíssimo Sacramento”, relataram na página de Facebook da Paróquia São João Batista, em Itaim Paulista, à qual pertence a comunidade Nossa Senhora do Rosário.

Na página foram publicadas fotos que mostram armário aberto, objetos lançados ao chão e hóstias jogadas sobre uma mesa. “O Sacrário foi aberto e violado, espalharam hóstias, reviraram a sacristia toda, espalhando objetos sagrados”, relataram.

"Nossa Comunidade de Nossa Senhora do Rosário , foi invadida.

Teve vandalismo , roubo dos cofres do dízimo, profanação do Santíssimo Sacramento. O Sacrário foi aberto violado, se espalharam Hóstia , reviraram a sacristia toda espalhando objetos sagrados".

n/d

n/d

n/d

Segundo o pároco, Pe. Edmilson Leite Alves, “muitas pessoas ficaram estarrecidas com tamanha violência com o Santíssimo Sacramento”. Ele mesmo relata que nos 15 anos em que serve nesta paróquia nunca havia vivido algo parecido.

Diante desse ato, toda a comunidade se uniu na manhã de quinta-feira, 4 de maio, para participar de uma Missa em Desagravo ao Santíssimo Sacramento, a qual contou com grande participação de fiéis não só da Paróquia São João Batista, mas também de pessoas vindas de outras bairros.

“Devemos fazer como a canção e amar pelos que não amam, esperar pelos que não esperam e adorar pelos que não adoram”, disse o pároco, referindo-se à música ‘Estou aqui’, do grupo católico Anjos de Resgate.

Para o sacerdote, atos como este demonstram como é preciso “aumentar o nosso amor pela Eucaristia”. “Pedi aos fiéis que buscassem e amassem mais a Eucaristia, também por aqueles que não a conhecem”, expressou, lembrando a necessidade de “rezar pela conversão dos responsáveis por esse ato”.

“Além disso, devemos ser testemunhos vivos nessa sociedade tão descrente”, acrescentou.

Pe. Edmilson informou ainda que não chegou a abrir uma ocorrência policial sobre o caso, pois “mesmo se você vai à delegacia, há muita força para não fazer”. “Nós nos sentimos impotentes”, lamentou.

Nas redes socais, muitos reagiram ao ocorrido. “Cada vez mais recorrente nas paróquias… por quê? O que leva alguém a fazer isso? Tristeza… se soubessem a importância e a verdadeira presença de Cristo, entrariam na igreja ajoelhados!”, comentou um internauta.

“Lamentável uma cena dessas, a nós cabe orar por essas pessoas e mostrar que o verdadeiro amor de Deus não cessa por atitudes que norteiam o ódio e a intolerância”, comentou outro.

Fonte: ACI Digital  via  Aleteia

============================

Nota de  www.rainhamaria.com.br

Sé resta repetir novamente o seguinte:

Se roubam e não respeitam nem mesmo a SAGRADA CASA DE DEUS, imaginem nossas casas mundanas.

Que será da humanidade, se até a CASA DE DEUS é roubada sem piedade? Se não respeitam nem a Jesus Sacramentado?

Diz na Sagrada Escritura:

"O ladrão não vem senão para furtar, matar e destruir. Eu vim para que as ovelhas tenham vida e para que a tenham em abundância". (Jo 10,10)

"Nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os difamadores, nem os assaltantes hão de possuir o Reino de Deus". (1Cor 6,10)

"Ainda que floresçam os ímpios como a relva, e floresçam os que praticam a maldade, eles estão à perda eterna destinados". (Sl 91, 8)

"Ouvi a palavra do Senhor, filhos de Israel! Porque o Senhor está em litígio com os habitantes da terra. Não há sinceridade nem bondade, nem conhecimento de Deus na terra. Juram falso, assassinam, roubam, cometem adultério, usam de violência e acumulam homicídio sobre homicídio. Por isso, a terra está de luto e todos os seus habitantes perecem; os animais selvagens, as aves do céu, e até mesmo os peixes do mar desaparecem". (Oséias 4, 1-2)

Este é o tempo profetizado e anunciado na Sagrada Escritura, em que Satanás iria deflagrar todo seu ódio contra a Igreja, sabendo que pouco tempo lhe resta antes que seja julgado e precipitado para sempre no inferno, lugar de condenação eterna para o demônio e todos que se rebelam contra o DEUS Pai, Filho e Espírito Santo.

“Ó terra e mar, cuidado! Porque o Demônio desceu para vós, cheio de grande ira, sabendo que pouco tempo lhe resta” (Apocalipse 12, 12)

 

Veja também...

Sinal dos Tempos: Em Aracaju, criminosos realizam assalto em igreja durante celebração de Missa. A gente não espera que um marginal invada a Casa de Deus, coloque faca e arma nas pessoas, lamenta fiel

 


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne