Esclarecendo o que penso sobre auxílio aos projetos de comunidades católicas, evangelização, caridade e a salvação das almas


05.09.2017 -

n/d

"Homens da Galiléia, por que ficais aí a olhar para o céu? Esse Jesus que acaba de vos ser arrebatado para o céu voltará do mesmo modo que o vistes subir para o céu". (Atos dos Apóstolos 1, 11)

==========================================

Nota de www.rainhamaria.com.br

Por Dilson Kutscher

Somente digo aos bons católicos conservadores, que desejando formar comunidades católicas, com o firme propósito de "reunir o rebanho" de Cristo neste Fim dos Tempos, pedindo auxilio para formarem tais comunidades... ou mesmo arrecadar fundos, no intuito de seus projetos de evangelização e caridade...

Mas, infelizmente saibam, que a "maioria" dos cristãos/católicos (com raras exceções), neste momento não vos auxiliarão... e somente vão oferecer alguma ajuda financeira aos projetos de "salvação das almas", caso seus corações e "olhos", tremam diante daquilo que virá...

"E haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra aflição e angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas. Homens desmaiando de terror, na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto as virtudes do céu serão abaladas". (São Lucas 21, 25-26)

E...poderá de fato vir... (tudo junto e mais)

*Uma guerra nuclear, que cause grande danos ao mundo inteiro. Afetando várias Nações. Mudando a forma de vida de todo um povo e o planejamento de suas vidas em sociedade.

*Um asteróide que cause grande destruição em todo mundo. Que faça uma sociedade inteira parar e refletir sobre a vida que levam.

*Um terremoto, tsunami ou mesmo vulcão, que cause grande catástrofe no mundo (numa Nação). Forçando os homens a obrigatoriamente tornarem-se mais humildes e solidários uns com os outros, em prol da própria sobrevivência deles e da Nação.

Sem contar com revoltas populares crescentes e a sombra do terrorismo que se alastra pelo mundo.

Ou algo de proporção similar, que cause profunda reflexão nos corações, sobre a vida mundana e materialista que levam, diante da ameaça as suas famílias e do perigo iminente de morte.

Infelzmente, muitos (a perder de vista) somente oferecerão auxilio para projetos de evangelização, caridade e a salvação das almas, quando algum fato realmente "apocalíptico" cruzar inesperadamente suas vidas. Então... acordarão deste sono mundano que dormem!!

Mas, antes disto... continuarão acumulando bens materiais e importanto-se com o sucesso de suas vidas em sociedade.

Sempre dizendo: Amanhã, amanhã darei, farei, salvarei...me importarei.

Antes, continuarão pensando, que o Rei Jesus demorará a retornar em Glória.

Mas, diz na Sagrada Escritura:

"Então o Reino dos céus será semelhante a dez virgens, que saíram com suas lâmpadas ao encontro do esposo. Cinco dentre elas eram tolas e cinco, prudentes. Tomando suas lâmpadas, as tolas não levaram óleo consigo. As prudentes, todavia, levaram de reserva vasos de óleo junto com as lâmpadas. Tardando o esposo, cochilaram todas e adormeceram. No meio da noite, porém, ouviu-se um clamor: Eis o esposo, ide-lhe ao encontro. E as virgens levantaram-se todas e prepararam suas lâmpadas. As tolas disseram às prudentes: Dai-nos de vosso óleo, porque nossas lâmpadas se estão apagando. As prudentes responderam: Não temos o suficiente para nós e para vós; é preferível irdes aos vendedores, a fim de o comprardes para vós. Ora, enquanto foram comprar, veio o esposo. As que estavam preparadas entraram com ele para a sala das bodas e foi fechada a porta. Mais tarde, chegaram também as outras e diziam: Senhor, senhor, abre-nos! Mas ele respondeu: Em verdade vos digo: não vos conheço!  Vigiai, pois, porque não sabeis nem o dia nem a hora". (São Mateus 25, 1-13)

n/d

"Portanto, vigiem, porque vocês não sabem em que dia virá o seu Senhor. Mas entendam isto: se o dono da casa soubesse a que hora da noite o ladrão viria, ele ficaria de guarda e não deixaria que a sua casa fosse arrombada. Assim, vocês também precisam estar preparados, porque o Filho do homem virá numa hora em que vocês menos esperam". (São Mateus 24, 42-44)

"Pois ele diz: Eu te ouvi no tempo favorável e te ajudei no dia da salvação (Is 49,8). Agora é o tempo favorável, agora é o dia da salvação". (II Coríntios 6, 2)

"Não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo colheremos, se não relaxarmos. Por isso, enquanto temos tempo, façamos o bem a todos os homens, mas particularmente aos irmãos na fé". (Gálatas 6, 9-10)

 


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne