Continuação da publicação: A Verdade dita pelos Padres Exorcistas. Os demônios são forçados pelo Céu a falar, contra vontade, sobre a Igreja e a sua situação atual


Nota de www.rainhamaria.com.br

Vamos lembrar este livro publicado no site, mas sempre atual.

Parte do Livro:

A Verdade dita pelos Padres Exorcistas em Nome de Maria Santíssima e São Miguel Arcanjo.

Para entender essa outra publicação leia:

A Verdade dita pelos Padres Exorcistas: Os demônios são forçados pelo Céu a falar, contra vontade, sobre a Igreja e a sua situação atual, de tal modo que as suas declarações contrariam o seu reino e favorecem o Reino de Cristo

===========================================

OS EXORCISTAS

Os Sacerdotes, cujos nomes se seguem, declaram que, baseando-se no seu conhecimento pessoal do caso de possessão, estão absolutamente convencidos da autenticidade das revelações feitas pelos demônios, sob a ordem da Santíssima Virgem.

Padre Albert d'Arx, Niederbuchsiten
Padre Arnold Egli, Ramiswil
Padre Ernest Fischer, Missionário, Gossau
Padre Pius Gervasi, OSB, Disentis
Padre Karl Holdener, retirado, Ried
Padre Gregor Meyer, Trimbach
Padre Robert Rindere CPPS, Auw
Padre Louis Veillard, retirado, Cesneux-Péquignot

Os Sacerdotes são todos de nacionalidade Suíça, excepto o Padre Fischer, que é alemão. Todos participaram nos exorcismos, salvo o Padre Gregor Meyer, que durante algum tempo foi o diretor espiritual da senhora atacada e que a conhece, muito bem. Dois outros Padres, de nacionalidade francesa, participaram também nos exorcismos.

EXORCISMO DE 14 DE AGOSTO DE 1975

Contra: Akabor, demônio do Coro dos Tronos (A)

=======================================

COMUNHÃO NA BOCA

A - ...Devem receber convenientemente os sacramentos... Fazer uma confissão e não apenas participar nas cerimonias penitenciais e na Comunhão. A Comunhão, o celebrante deve dizer três vezes "Senhor eu não sou digno", e não uma vez só. Devem receber a Comunhão na boca, e não na mão.

E - Diz só a verdade em nome do Preciosíssimo Sangue, da Santa Cruz, da Imaculada Conceição...

A- Nós trabalhamos durante muito tempo, lá em baixo (aponta para baixo) até conseguirmos  que a Comunhão na mão fosse posta em prática. A Comunhão na mão é muito boa para nós, no inferno; acreditai!

E - Nós te ordenamos, em nome (...) que digas somente o que o Céu te ordena! Diz só a verdade, a verdade total; tu não tens o direito de mentir. Sai desse corpo! Vai-te

A - Ela (aponta para cima) quer que eu diga...

E - Diz a verdade, em nome (...).

A - Ela quer que eu diga... Que se Ela, a grande Senhora, ainda vivesse, receberia a Comunhão na boca, mas de joelhos, e haveria de se inclinar profundamente assim (mostra como procederia a Santíssima Virgem).

E - Em nome da Santíssima Virgem (...) diz a verdade!

A - Tenho que dizer que não se deve receber a Comunhão na mão. O próprio Papa, dá a Comunhão na boca. Não é da sua vontade que se dê a Comunhão na mão. Isso vem dos seus Cardeais.

E - Em nome (...) diz a verdade!

A - Deles passou aos Bispos, e depois os Bispos pensaram que era matéria de obediência, que deviam obedecer aos Cardeais. Daí, a idéia  passou aos Sacerdotes  e também eles pensaram que tinham de se submeter, porque  a obediência se escreve com maiúsculas.

E - Diz a verdade. Tu não tens o direito de mentir, em nome (...).

A - Não se é obrigado a obedecer aos maus. É ao Papa, a Jesus Cristo  e a Santíssima Virgem, que é preciso obedecer. A Comunhão na mão não é de modo algum  querida por Deus.

E - Continua a dizer a verdade, em nome (...).

 

O INFERNO É MAIS HORRÍVEL DO QUE SE PENSA

J - Oh, este desespero! Este desespero horrível!  É horrível! Não podeis imaginar como o inferno é cruel. Não fazeis a mínima idéia de como é medonho lá embaixo! Não sabeis como é!

E - A culpa foi tua. Vai-te, Judas Iscariotes, em nome (...).

J - (grita e suspira): Tenho um lugar horrível! Um canto horrível, lá embaixo. Oh... Oh! Dizei a todos que tenho um canto horrível!... Vivei honestamente! Vivei honestamente!... É pavoroso!... Por amor ao Céu fazei tudo para alcançar o Céu, mesmo que para isso seja preciso ser torturado por instrumentos de suplício durante mil anos (grita).

Escutai, devo dizer ainda isto: se tivésseis que passar mil anos de suplício, aguentai, aguentai! O inferno é terrível, é terrível! Ninguém sabe como o inferno é horrível. É muito mais atroz do que pensais... é medonho!... é pavoroso! (Judas pronuncia todas estas palavras com uma voz que faz tremer, entre cortada, de um desespero indiscutível).

E - Em nome de Jesus disseste tudo agora?

J - Tenho ainda que acrescentar uma coisa, mas preferiria não o fazer: Há tantas pessoas... que já não creem no inferno... mas... mas... (ameaçador)... ele existe! O inferno existe. É horrível!

E - Sim, o inferno existe.* Diz só a verdade, em nome (...).

J - Oh... ele existe... o inferno! É medonho! Tenho que me ir em breve, mas tenho que dizer ainda isto (grita e gane como um animal).

E - Mas, agora, é preciso que te vás embora. Em nome (...) sai desta mulher!

J - O inferno é muito mais medonho do que se pensa... O inferno é muito mais horrível do que se pensa...! O inferno é muito mais horrível do que se pensa...! (os seus gritos são de ensurdecer).

E - Fala, em nome (...)!

J - (Grita e geme): Oh!... se eu pudesse ainda voltar atrás... se eu pudesse ainda voltar atrás! ... Oh... Oh! (chora dum modo inexprimível).

 E - Sai desta mulher, sai, em nome (...)!

J - Oh! Eu não quero ir lá para baixo. Tende piedade... Deixai-me continuar nesta mulher!

E - Não! Não! Em nome (...) vai-te embora!

J - (geme): estava bem melhor nela. É que assim ela teria que carregar  com grande parte do meu desespero. Deixai-me ainda ficar nesta mulher... É horrível para mim. Para mim é horrível estar no inferno (geme com voz ofegante). Oh! Deixai-me ficar ainda nesta mulher!

E - Não! Em nome (...).

J - Ela ainda pode aguentar-me (com um imenso desespero). Ela pode muito bem aguentar-me.

E - Sai dela, em nome (...).

J - Que pensais!... Lá em baixo é muito mais horrível!... Oh! Oh!! (geme). Dizei isto... dizei isto a todos os jovens, a todos os heréticos, absolutamente a todos: O inferno  existe. (a voz é penetrante, capaz de causar calafrios). Oh! (grita), é lixadamente" horrível! Se tivesse escutado a Santíssima Virgem e não tivesse passado a corda à volta do pescoço! Se tivesse mantido a esperança. Se não a tivesse perdido (fala com uma voz desesperada...) Mas todos dizem isso, todos os condenados dizem o mesmo quando chegam lá abaixo. Mas, então, já é demasiado tarde. Só acreditam quando já é demasiado tarde.

E - Vai-te, em nome da Santíssima Trindade, em nome de todos os Santos Anjos e Arcanjos e do Arcanjo São Miguel!

J - E Miguel é terrível para nós. Miguel é terrível! (grita com uma voz odiosa).

E - Vai-te, em nome do Santo Cura d'Ars, em nome de todos os Santos exorcistas e em nome da Igreja Católica!

J - (grita): JU-DAS IS-CA-RI-O-TES ! Tenho que partir! (solta rugido terrivel).

E - Agora, vai-te Judas Iscariotes, em nome da Santíssima Trindade, volta para o inferno  para sempre, volta para a condenação eterna!

J- Eles aí vêm, aí vêm (geme e chora cheio de desespero). Eles aí estão... Adeus, adeus, felizes homens... Felizes! Vou-me embora... porque a isso me obrigam. (chora  e lança rugidos de fender a alma).

E - Nós te ordenamos, em nome (...) vai para o inferno! .

J - (ruge desesperado como um leão): Vou! JU-DAS IS-CA-RI-O-TES!  

E- Sai e vai para o inferno, em nome (...)

J- (lança gritos penetrantes, ofegantes, desesperados, de repente, aponta para cima com o dedo, e diz): Ela ainda me concede um curto espaço de tempo.

A sua missão (da possessa) ainda não está acabada.

• A existência do inferno é um dogma da Igreja definido no IV Concílio de Latrão (1215) e  explicado em muitos documentos do Magistério.

=================================================

ADQUIRA O LIVRO

n/d

 

ÍNDICE

MASTERPLANO PARA DESTRUIR A IGREJA
- Capítulo I - O MASTERPLANO
- Capítulo II - A IGREJA UNIVERSAL
- Capítulo III - O AMOR
- Capítulo IV - FORA BATINAS E HÁBITOS
- Capítulo V - QUE SE CASEM OS SACERDOTES
- Capítulo VI - AS FREIRAS NA RUA
- Capítulo VII - AS COISAS SEM IMPORTÂNCIA
- Capítulo VIII - O ASSALTO À MISSA!
- Capítulo IX - FORA A VIRGEM E OS SANTOS
- Capítulo X - OS EXECUTORES DO MASTERPLANO
CONFISSÕES DO INFERNO AO MUNDO CONTEMPORÂNEO
A REALIDADE DO MALIGNO
1. PREFÁCIO  A minha experiência
- Sobre A Possessao
2. A VIDA POSSESSA
- A noite cai
- Aceitar a vontade de Deus
- Exorcismos e Revelações
- Situação presente
- Os planos de Deus
3. TESTEMUNHOS  Do Rev.º Padre Renz
- De Denkinger (jovem teólogo)
4. ALGUMAS OBSERVAÇÕES E ESCLARECIMENTOS
ÁTRIO  Os Exorcistas
OS EXORCISMOS
- 1. Contra Akabo
- 2. Contra Judas Iscariotes
- 3. Novo Exorcismo de 17/08/1975
- 4. Exorcismo de 31/08/1975
- 5. Exorcismo de 12/01/1976
- 6. Exorcismo de 05/02/1976
- 7. Exorcismo de 30/03/1976
APÊNDICE  Respostas a algumas críticas
DOCUMENTOS
ENTREVISTA sobre as Possessões
A OPINIÃO do teólogo Padre Bernardo
Renovação Carismática “Católica” - Isso é Católico mesmo?
Mensagens de Jesus para o Confidente Bento da Conceição
Vamos ler o que diz a Sagrada Escritura!
Mulher, suas roupas indecentes me crucificam novamente
Vinda do Senhor Jesus
Anticristos
O Anticristo está a caminho!
Uma teia do tamanho do mundo
O que está acontecendo?
GLOBALIZAÇÃO: PARA O ANTICRISTO GOVERNAR O MUNDO
A - O que pensam eles
B - Seu ódio manifesto contra Deus
C - Como será de fato tal governo
D - O que acontecerá logo
E - Outros Objetivos Monstruosos
F - Como o mundo já é refém deles
Vamos ler o que Jesus disse ao Confidente Católico Bento da Conceição
A Conspiração
Revelações da Bíblia que estão acontecendo e vão acontecer para os nossos dias atuais!
O Mensageiro de Deus

 

Para Pedidos deste Importante Livro.

Valor do Exemplar R$7,00

Por Emaileugenio@ceifadores.com.br

Por Fone: (047)- 9112-8000 operadora  Tim  ou 9234-1114  Vivo

(47) 3360-7167  Fixo

 


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne