Prefeito regional de Pinheiros SP, criticou a postura de Caetano Veloso, questionando a presença da criança na performance do MAM: Que criança o senhor Caetano Veloso acha que vai formar, colocando uma criança de 5 ou 6 anos para apalpar um homem nu?


10.10.2017 -

O prefeito regional de Pinheiros, bairro nobre da zona oeste de São Paulo, Paulo Mathias (PSDB) fez aquilo que milhares de brasileiros também fizeram nas redes sociais desde domingo, ou seja, três transmissões ao vivo no Facebook, com críticas fortes à Rede Globo e ao músico Caetano Veloso em razão de reportagem do Fantástico a respeito da controvérsia causada pela exposição Queermuseu, no espaço cultural Santander, em Porto Alegre, e pela performance La Bête, do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP). O cantor foi entrevistado e criticou o que considerou censura. O ator Fábio Assunção também foi atacado por integrar, assim como Caetano, o movimento “342 artes”.

Somando cerca de quarenta minutos ao todo, as imagens trazem o prefeito regional classificando como “papelão”, “vergonha”, “lorota”, “tosca” e “hipócrita” a matéria exibida pelo programa da emissora um pouco antes, completando que o Fantástico “não sabe aonde se meteu”.

O prefeito regional de Pinheiros criticou a postura de Caetano Veloso, questionando a presença de uma criança na performance do MAM. “Que raio de criança o senhor Caetano Veloso acha que vai formar? Colocando uma criança de cinco ou seis anos para apalpar um homem nu?”, diz, na transmissão ao vivo. Mathias chegou a relacionar o cantor e o ator Fábio Assunção ao consumo de drogas ilícitas. “Esse Fábio Assunção agora deve estar cheirando um, fumando, bebendo…” e “Eu não fico o dia fumando maconha, viu seu Caetano Veloso?”, são algumas das frases. O tucano também questiona porque os artistas não vêm a público falar sobre leis de incentivo à cultura, em especial a Lei Rouanet, dando a entender que eles “vivem” dos recursos dos fundos de fomento público. (Fonte: Veja e Blog Polibio Braga)

Paulo Mathias desmascara falsa exposição de "Arte" no MAM

 

Veja também...

Exposição do Palácio das Artes de Belo Horizonte, no mesmo contexto da exposição Queermuseu, com cenas de pedofilia, zoofilia, erotismo e ofensa a simbolos cristãos. Num quadro aparece o demônio fazendo sexo aos pés da Cruz. (Isto é arte?)

Dom Henrique Soares da Costa, Bispo de Palmares (PE), comenta os últimos acontecimentos promovidos pela cultura gay no Brasil, advertindo que nem tudo pode ser considerado arte

Artigo do escritor Maycson Rodrigues: Autonomia infantil e a desonestidade intelectual global

Perseguição anticristã e politicamente correto: Porto Alegre sob assédio

O satânico artista da exposição do Queermuseu, autor da mala cheia de hóstias, escritas com palavras obcenas, uma das performances dele é ralar uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, completamente nu. (chamam isto de arte)

Sodoma moderna e sua rebelião, o gay revolucionário: Iremos sodomizar seus filhos, vamos seduzi-los em suas escolas, nos grupos de jovens, seus filhos se tornarão nossos subordinados e farão o que mandarmos. Eles serão recriados à nossa imagem

 


Rainha Maria - Todos os direitos reservados
É autorizada a divulgação de matérias desde que seja informada a fonte.
http://www.rainhamaria.com.br

PluGzOne